Saiba tudo sobre o Tratamento da Dependência Química

Saiba tudo sobre o Tratamento da Dependência Química
clinica-recuperacao

Por que o tratamento deve ser feito?

Realizar um tratamento adequado para a dependência química é muito importante porque é a única forma realmente eficaz de garantir que o usuário se veja livre do vício. Mais do que isso, muitas vezes o tratamento é a única forma de garantir a integridade física do dependente.

A dependência também tem impactos nos relacionamentos e mesmo no convívio familiar, podendo originar uma codependência. Com isso, o tratamento é muitas vezes a única forma de assegurar que essas relações sejam saudáveis novamente.

Quais os métodos de tratamento de dependência química?

Os quadros de dependência química podem se desenvolver de forma diferente em cada pessoa, e dependem de uma inúmeras variáveis. Por isso, é natural que haja mais de um tipo de tratamento para cada caso, de modo que mais pessoas consigam se livrar de seus vícios. Diante disso, os principais métodos incluem:

- Grupos de auto-ajuda: como o Narcóticos Anônimos, são uma opção muito eficaz para fortalecer autoconfiança e a vontade de se livrar do vício por parte do próprio dependente. Nesses grupos, os dependentes contam suas experiências e também suas histórias de superação, inspirando e apoiando uns aos outros. Além disso, é uma forma para o dependente encontrar motivação para se manter sóbrio.

- Tratamento médico e psicológico:tratamento médico e/ou psicológico, por sua vez, é feito diretamente entre paciente e profissional especializado em dependência química. Nesses casos pode ser usada uma grande variedade de técnicas ou de medicamentos para ajudar no combate ao quadro de dependência. Essa opção é muito procurada porque boa parte dos dependentes possui algum tipo de condição psicológica, como depressão ou outros transtornos semelhantes, que devem ser igualmente tratados para que o vício possa ser combatido por completo.

- Religiosidade: em outros casos, o tratamento pode ser feito por grupos religiosos. Para que isso aconteça, normalmente existe uma internação em clínicas terapêuticas onde a religião é o principal motivador para que o dependente se veja livre do vício. Esta é uma opção que normalmente age de maneira complementar, sendo associada a algum outro método de tratamento.

- Internação clínica: já no método de internação clínica o usuário de drogas passa a ficar internado em um local onde fica sob supervisão médica junto a outros profissionais capazes de tratar a dependência. Podem ser aplicadas diferentes metodologias, como o uso de medicamentos e de grupos de auto-ajuda, por exemplo. Em geral, é o tratamento mais completo e mais abrangente e, por isso, é muitas vezes o mais efetivo.

Por que é importante escolher o tratamento correto?

Cada tratamento tem sua própria taxa de efetividade e, principalmente, cada um se adapta a uma realidade diferente. Por isso, conhecer e escolher o tratamento mais adequado pode influenciar diretamente nas suas chances de sucesso.

Mesmo um tratamento com mais eficácia comprovada pode não surtir o efeito desejado se não for escolhido de acordo com as necessidades e com o perfil do dependente. Isso só é possível ao se informar bem sobre esses tratamentos, de modo que o dependente possa ter uma vida livre das drogas.

O tratamento da dependência química precisa ser uma decisão tomada com cuidado e planejamento para que as chances de sucesso e eficácia do tratamento sejam consideráveis. Para isso, conhecer os principais métodos é fundamental para garantir a plena recuperação do dependente químico.

O que podemos afirmar é que o mais completo tratamento é a Internação do dependente em uma Clínica de Recuperação e Reabilitação, pois abrange todas as metodologias acima citadas, principalmente se a internação for de forma involuntária.